RONEI DO NOVO HORIZONTE REPRESENTOU AGRICULTORES FAMILIARES EM BRASÍLIA

Ronei José Rodrigues da silva conhecido como “Ronei do Novo Horizonte”. Representou os pequenos agricultores familiares na reunião que aconteceu no dia 18 de dezembro, às 9h30, no plenário Ulysses Guimarães, sessão solene em homenagem ao Dia da Extensão Rural que celebra 70 anos de história no dia 6 de dezembro 2018.

Em uma sessão acompanhada por agricultores familiares de todo país, Ronei do Novo Horizonte, “Em Minas Gerais, nós somos a maior bacia produtora de leite e maior produtor de café. Toda estratégia da pecuária leiteira passa pelo nosso estado. Mais da metade dessa produção é da agricultura familiar”, exemplificou.

Ronei também ressaltou que para se ter uma agricultura familiar forte é preciso investir em assistência técnica e extensão rural pública, gratuita, continuada e de qualidade.

“A extensão rural leva o conhecimento e a inovação aos grotões do Brasil, principalmente ao agricultor familiar, contribuindo para a melhoria da sua capacidade produtiva”, explica o deputado Zé Silva, extensionsita de carreira, presidiu a Emater, Asbraer e atualmente é presidente da Frente Parlamentar de Agropecuária.

IMPORTÂNCIA DA AGRICULTURA FAMÍLIAR

A agricultura familiar realmente é um importante pilar para a economia brasileira. Segundo dados do novo relatório da Organização das Nações Unidas, denominado “Estado da Alimentação e da Agricultura”, o segmento tem capacidade para colaborar na erradicação da fome mundial e alcançar a segurança alimentar sustentável.

Os números são impressionantes. Prova disso é que o setor produz cerca de 80% dos alimentos que chegam à mesa da população brasileira, como o leite (58%), a mandioca (83%) e o feijão (70%), representa 84% de todas as propriedades rurais e emprega, pelo menos, cinco milhões de famílias.