VISA MUNICIPAL ACOMPANHA DESTRUIÇÃO DE MAIS DE 1 TONELADA DE DROGAS EM UNAÍ

A operação, realizada na quinta (26/11), foi coordenada pela Polícia Civil e acompanhada por autoridades sanitárias municipais (dois fiscais sanitários) e pelo Ministério Público de Minas Gerais (um promotor de Justiça). Os 1.148 quilos de drogas e os 1.817 invólucros de maconha incinerados em forno de uma cerâmica de Unaí são fruto de apreensões realizadas na região. A lei determina que toda destruição de drogas seja acompanhada por autoridades sanitárias e membros do Ministério Público.

OPERAÇÕES EM ACADEMIAS

Na última semana, duas equipes da Vigilância Sanitária Municipal (Visa) deflagraram operações de fiscalização nas maiores academias de ginástica de Unaí. Foram verificar se elas estavam operando dentro das diretrizes sanitárias e conforme os decretos expedidos pela Administração Municipal em razão da pandemia.

“Algumas academias (entre as maiores da cidade) não usavam termômetros para medir a temperatura dos usuários e nem cumpriam as regras para higienização permanente do ambiente e dos equipamentos”, conta um dos fiscais da Visa Municipal.

As academias inspecionadas recebem mais de 80% de usuários da cidade. Depois da inspeção, registrou-se que apenas duas academias “cumpriam fielmente” as determinações dos decretos. Quatro das grandes, por irregulares, foram notificadas. Os fiscais oficiaram as academias, abriram prazo para defesa e solicitaram o fiel e imediato cumprimento dos decretos. As irregularidades registradas podem ensejar a aplicação de multas.

A Vigilância Sanitária Municipal atua praticamente em toda a cidade (em feiras livres, supermercados, farmácias, açougues, bares, restaurantes, padarias, hospitais, salões de beleza, clínicas (médicas, odontológicas, veterinárias, estéticas e similares) e em outros espaços onde é necessário defender e proteger a saúde pública em geral e o consumidor, em particular.

DENÚNCIAS

Qualquer cidadão pode denunciar situações que põem em risco a saúde pública, como estabelecimentos com falta de higiene, alimentos estragados, produtos vencidos em prateleiras, ocorrência de pragas (baratas, ratos, moscas), lixeiras sem tampa, além de várias outras situações (irregulares) que forem observadas pelo consumidor em supermercados, bares, restaurantes, farmácias, açougues, padarias, hospitais, clínicas (médica, odontológica ou de estética), salões de beleza, clínicas veterinárias, enfim, nos locais onde a Visa Municipal pode, e deve, atuar.

Quem deparar com irregularidades que ameaçam a saúde da população pode acionar a Vigilância Sanitária Municipal em Unaí pelo telefone 3677-6271. Não é preciso se identificar. A denúncia pela internet pode ser encaminhada para o endereço visaunaí@gmail.com

Por Ricardo Ribas /Fotos: feitas pela Visa Municipal