Início DESTAQUE Andréa Machado Absolvida de Acusação de Improbidade Administrativa: Novidades na Política de...

Andréa Machado Absolvida de Acusação de Improbidade Administrativa: Novidades na Política de Unaí

452
0

Andréa Machado Absolvida de Acusação de Improbidade Administrativa: Novidades na Política de Unaí

Uma reviravolta na política unaiense agita os bastidores da cidade. Segundo informações de fontes seguras, a vereadora Andréa Machado foi absolvida da denúncia que pesava contra ela de improbidade administrativa.

Essa notícia tem repercussões significativas, uma vez que Andréa Machado, que é da base do prefeito Branquinho, agora está livre para disputar as eleições municipais. Segundo a fonte, não seria surpresa vê-la como pré-candidata a prefeita, considerando seu desempenho nas eleições para deputada, que serviu como uma vitrine para a vereadora.

Com a absolvição de Andréa Machado, o prefeito Branquinho, que estava sem opções de candidatos devido ao julgamento em terceira instância do ex-vereador Alino Coelho, agora tem duas opções para as eleições municipais. Tarley, apoiado pelo Vereador Petrônio Nego Rocha, que também está na base do prefeito, é uma delas.

Fontes da política unaiense já especulam uma possível junção entre Andréa Machado e Tarley para as próximas eleições, o que poderia trazer novos rumos para o cenário político local.

Agora, resta aguardar os próximos capítulos dessa história eleitoral em Unaí, que, nas últimas horas, tem visto os bastidores fervendo com especulações e movimentações políticas.

O Portal Iluminar continuará acompanhando de perto esses acontecimentos e trará todas as atualizações sobre o panorama político da cidade. Fique ligado para não perder nenhum detalhe!

 

Errata: Correção de Informação

No artigo intitulado “Andréa Machado Absolvida de Acusação de Falsificação de Documentos: Novidades na Política de Unaí”, publicado em 12/03/2024, ocorreu um erro na informação fornecida. No trecho onde se lê “falsificação de documentos”, o correto seria “improbidade administrativa”.

Texto por: Equipe do Portal Iluminar